Peru

Como planejar uma viagem para o Peru

Confira como planejar uma viagem para o Peru. Veja todos os detalhes que envolvem a sua ida para este país, como vacinas, documentação, vistos e muito mais. Deseja viajar para o Peru, mas não sabe por onde começar? Então, confira todos os detalhes mais importantes do planejamento para visitar este país sul americano.  

Shopping Larcomar em Lima

E depois não deixe de ver a matéria de como economizar muito em sua viagem no Peru. É a matéria mais acessada do blog e vai te ajudar muito com todo o planejamento da viagem. São várias dicas imperdíveis que vão fazer você economizar MUITO (muito mesmo) e montar toda a sua viagem para o Peru.

Quanto custa uma viagem ao Peru?

Apesar desta resposta depender muito do destino final, o principal fato que você precisa levar em consideração é a data da sua viagem, se será em baixa ou alta temporada. Comparado com outros destinos, a viagem ao Peru não custa cato, mas isso vai depender muito da experiência que deseja ter no país. Caso pretenda conhecer o Peru nos meses de alta temporada, uma viagem completa sai cerca de U$1.000 por pessoa, um valor que fica entre 3 e 4 mil reais. Com este orçamento, você consegue pagar acomodação, passeios, lembrancinhas, alimentação e até transporte. Listamos abaixo uma média de preço dos itens mais importantes da sua viagem:

  • Hotel: Na maioria das cidades peruanas, as acomodações mais próximas dos pontos turísticos nas melhores regiões, você irá gastar por volta de U$100 em uma diária (para 2 pessoas). Este valor equivale a cerca de 350 e 400 soles peruanos por diária;
  • Alimentação: A gastronomia peruana é super rica e conta com muitas opções para comer, bem como excelentes restaurantes. Caso queira economizar, a nossa dica é para que compre comida nos mercados. Em nossa opinião, é possível gastar cerca de U$20 (ou 80 soles) para fazer as três principais refeições do dia: manhã, almoço e jantar. Caso esteja com um orçamento maior, separe U$40 (ou 160 soles) por dia;
  • Passeios: Os valores dos passeios no Peru são muito variáveis, podem ir desde U$3 para entrada de parques nacionais até U$60 para acessar Machu Picchu. Todas as principais cidades turísticas do Peru possuem passeios pelos centros históricos, que custam entre U$30 e U$75;
  • Transporte: Como a opção de transporte público acaba sendo bem utilizada pelos turistas, saiba que o bilhete unitário de transporte público no Peru custa U$0,50. Já o passe mensal de transporte público custa U$25. Caso opte pelos táxis no Peru, saiba que as tarifas começam em U$2 e vão aumentando por quilômetro.

Moeda Peruana - Nuevo Sol

Como chegar ao Peru?

O Peru é um país que faz fronteira com o Brasil, Bolívia, Colômbia, Equador e Chile, sendo banhado pelo Oceano Pacífico. O maior número de voos no Peru desembarca em Cusco, com preços de passagens (ida e volta) que ficam em torno de R$1.400 a R$1.800, saindo do Rio de Janeiro ou São Paulo. Por não ter voos diretos para Cusco, muitos turistas fazem escala em Lima, e aproveitam a parada para conhecer a capital peruana em um ou dois dias.

Aerporto Internacional de Lima

Qual é a melhor época para conhecer o Peru?

De maneira geral, não há uma melhor época específica para conhecer o Peru. Saiba que primeiras horas da manhã são muito frias e a temperatura sobe até o começo da tarde até que, no final do dia, caí novamente. Vale destacar que nos dias ensolarados, você já sente a diferença de temperatura, mas as noites são sempre frias. Em nossa opinião, o inverno (final de maio, junho e julho) é uma boa época para conhecer o Peru, pois os dias ainda são quentes e sem chuva. Aproveite para ler a nossa matéria com todos os detalhes sobre o clima e a temperatura no Peru.

Parque do Amor em Lima

Documentação e vacinas para o Peru

Sem dúvidas, um dos maiores benefícios de viajar para países sul americanos é não precisar de visto, e nem passaporte. Saiba que você pode viajar apenas com o seu RG para o Peru! Quando se trata de vacinas, vale destacar que a dose de febre amarela é obrigatória para turistas que chegam de países onde a doença pode ser contraída, como é o caso do Brasil. A vacina de febre amarela deve ser tomada com no mínimo 10 dias de antecedência da data da viagem, e é bem importante carregar o comprovante de vacinação com você.

Confira a lista de vacinas recomendadas pelo Consulado do Peru: 

  • Febre Amarela: conforme citamos acima; 
  • Catapora: recomendada para viajantes que nunca contraíram a doença;
  • Hepatite A: também recomendada para viajantes que nunca contraíram a doença; 
  • Hepatite B: recomendada para viajantes que terão contato com a população local. 

Documentos para viajar ao Peru

Quanto tempo posso ficar no Peru?

Como os brasileiros não precisam de visto para entrar no Peru, o tempo máximo de permanência estipulado no país é de 183 dias. Vale destacar que essa quantidade é sem prorrogação. Então, ao entrar, um agente de imigração pode perguntar a você sobre os dias de permanência. Nossa dica é para que você sempre fale alguns dias a mais, caso algo aconteça, mas saiba que terá que cumprir a ordem liberada pelo responsável da imigração.

Machu Picchu no Peru

Como funciona o fuso horário no Peru?

Em todas as cidades peruanas, inclusive Lima, Cusco e Machu Picchu, que são os maiores destinos dos turistas no país, o horário se mantém o mesmo durante o ano inteiro, regido pelo fuso horário de Lima. Já no Brasil, a maioria das cidades são regidas pelo fuso horário de Brasília, que é adiantado em 1 hora durante o chamado horário de verão. Veja também a nossa matéria sobre o fuso horário do Peru x Brasil. Confira mês por mês a diferença no fuso entre os horários oficiais de Brasília e do Peru:

  • Final de outubro, novembro, dezembro, janeiro e final de fevereiro: 3 horas a menos no Peru em relação ao Brasil;
  • Começo de março, abril, maio, junho, julho, agosto, setembro e começo de outubro: 2 horas a menos no Peru em relação ao Brasil.

Cidade de Cusco

Como levar dinheiro para o Peru?

A moeda oficial no Peru é a Nuevo Sol, que possui um valor bem próximo do Real Brasileiro.
Para você ter uma ideia, confira abaixo a comparação que fizemos entre o Real Brasileiro, o Nuevo sol e o Dólar Americano:

R$ 1,50 = S/. 0,99
U$1 = S/. 3,56

Em nossa opinião, a forma mais simples de levar a moeda Nuevo sol para o Peru é o dinheiro em espécie A vantagem do dinheiro em papel é que você não paga o IOF de 6,38% que paga em cartões de crédito e pré-pagos. Nesta opção, você paga aquela taxa de câmbio do dia da compra e ela não muda, e fica com dinheiro para gastar em lugares que não aceitam cartão como táxis e pequenos estabelecimentos.

Moeda Nuevo Sol

As únicas desvantagens são a praticidade, pois você vai precisar ficar carregando e contando o dinheiro toda hora, e também a questão segurança, que se alguém ver ou você for roubado, vai perder todo o dinheiro e sair no prejuízo. É lógico que não pode levar todo o dinheiro da sua viagem em espécie, pois é perigoso e você pode ter problemas na sua viagem ao Peru, mas pode levar uma boa quantia. Procure uma boa casa de câmbio de confiança quando for comprar os pesos e preste atenção na taxa cambial, para conseguir sempre um bom preço. Confira nossa matéria sobre como levar dinheiro para o Peru.

Voltagem e tomadas no Peru

A tensão e voltagem no Peru é de 220 volts, então caso você leve aparelhos que não sejam bivolts e funcionem apenas na tensão 110 volts, eles serão danificados. Como a maioria dos países da América do Sul e do Norte usam tomadas elétricas de 110 volts, para conectar esses equipamentos no Peru, será necessário um adaptador de tensão. Vale destacar que a maioria das grandes redes hoteleiras realizam o aluguel ou emprestam esse equipamento aos seus hóspedes. Por outro lado, sempre indicamos que já viaje preparado e com todos os equipamentos de maneira adequada. Confira mais detalhes sobre a voltagem e tomadas no Peru.

Modelo de tomada Peruana

Como se locomover no Peru?

Assim que tiver escolhido os destinos para visitar no Peru, a nossa dica é para que defina como irá se locomover por lá, de carro, ônibus, trem ou avião. Saiba que as estradas peruanas não são as mais indicadas, mas muitas pessoas optam pela praticidade e conforto do aluguel de carro. Por outro lado, a maneira que os turistas mais se locomovem no Peru é de avião, pois as passagens dentro do país possuem preços bem atrativos e vale muito a pena, principalmente para economizar tempo. Como há diversas cidades que não possuem aeroportos, os destinos que os turistas mais procuram são Lima, Cusco, Nazca e Puno, por exemplo, pois eles possuem acesso ao transporte aéreo.

Aerporto do Cusco

Quais cidades visito no Peru?

Apesar de conhecer um pouco mais sobre os meios de locomoção no Peru, a nossa dica é para que primeiro você defina o seu roteiro de viagem. Por este motivo, listamos abaixo as 10 maiores cidades turísticas do Peru, para ajudar você a definir quais destinos irá incluir em seu planejamento de viagem.

1) Lima no Peru

O fato de ser a capital do Peru já faz com que Lima mereça ser incluída no seu roteiro de vigem. A cidade está situada na costa centro-oeste, cercada por diversos pontos turísticos, entre elas opções bem famosas e procuradas pelos turistas, como o Parque del Amor e a Plaza Mayor, onde fica o Palácio do Governo e a incrível Catedral de Lima. Outro local incrível da capital peruana é o Parque La Muralla, que como o próprio nome já indica abrigou por vários anos parte da muralha que protegia a cidade de invasões.

Bairro de Miraflores em Lima

2) Machu Picchu no Peru

Sem dúvidas, Machu Picchu é um dos destinos mais procurados do Peru, sendo este considerado patrimônio cultural da humanidade desde 1983. A cidade é encantadora, está localizada a mais de 2 mil metros de altitude e foi onde nasceu toda a trajetória do império inca. A região conta com um verdadeiro complexo arquitetônico, cercado por templos, casas, terraços, cemitérios e escadarias de tirar o fôlego.

Fontes de água em Machu Picchu

Machu Picchu exala história, sendo dividida até hoje seguindo as principais funções consideradas pelos incas: agrícola, urbana e sagrada. No setor agrícola, situado na parte sul da cidade, você encontrará terraços, posto de vigilância e muitas áreas dedicadas ao cultivo. Já a parte urbana de Machu Picchu possui templos e edifícios belíssimos. Na área Sagrada, você encontrará a morada do imperador e a famosa Praça Sagrada, a qual é cercada por obras dedicadas aos rituais e cerimônias.

3) Cusco no Peru

Outra cidade que é, praticamente, item obrigatório no roteiro de viagem pelo Peru é Cusco. Neste destino, situado na região sul do país, você encontrará os famosos vestígios da cultura inca, fazendo com o local tenha todo um ar místico e bem especial. Geralmente, os turistas reservam cerca de três dias de roteiro para conhecer as principais atrações da cidade, como a Plaza de Armas, o Templo de São Brás, datado de 1560, e os incríveis sítios arqueológicos, que ficam localizados ao redor de Cusco. Vale destacar que nesta cidade há uma série de passeios guiados super interessantes, que aumentam a diversão e o conhecimento sobre esta região tão rica culturalmente.

Vista da cidade de Cusco

4) Valle Sagrado no Peru

Apesar de não ser uma cidade peruana, o Valle Sagrado é um dos destinos mais incríveis do país, o qual está localizado entre os povoados de Písac e Ollantaytambo. Vale destacar que muitos turistas conhecem a região logo após visitar Cusco, uma vez que o Valle Sagrado está situado a 35km de distância desta cidade. Os visitantes costumam reservar cerca de três dias para visitar as principais cidades desta região, entre elas Písac, Ollantaytambo, Maras, Moray, Chincero, Tipón e Urubamba.

Valle Sagrado no Peru

5) Cerro Colorado no Peru

Mesmo não se tratando de uma cidade, o Cerro Colorado, Rainbow Mountain ou Montaña de los 7 colores é, depois de Machu Picchu, o ponto mais visitado do Peru. Os brasileiros chamam o local de montanha arco-íris, devido à grande quantidade de cores que é possível observar na atração. Vale destacar que toda a beleza do Cerro Colorado provém do intemperismo, um conjunto de processos mecânicos, químicos e biológicos que ocasionam a decomposição de rochas.

Montanha Colorida em Cerro Colorado

Para chegar a Rainbow Mountain, você deverá caminhar 5 quilômetros pela comunidade de Pampachiri, situada a cerca de 100 km da cidade de Cusco. Devido à sua localização e grande altura (mais de 5 mil metros acima do nível do mar), saiba que chegar até o local requer bastante esforço físico. O percurso acontece em uma caminhada por trilha de aproximadamente 4h de duração, mas a recompensa vale a pena. Desta forma, é importante destacar que fazer este passeio com agência acaba sendo muito mais fácil e seguro.

6) Choquequirao no Peru

Busca uma cidade que não consta nos mais tradicionais roteiros de viagem pelo Peru? Então, a nossa dica é para que conheça Choquequirao. Apesar de muito parecida com Machu Picchu, esta cidade é ainda pouco visitada. Localizada nos andes peruanos, Choquequirao é conhecida como “Berço de Ouro”, sendo também uma cidade que pertenceu ao império inca. Para quem gosta de trilhas e muita história, Choquequirao é a pedida perfeita. Cercada por ruínas, construções de tirar o fôlego e templos fantásticos, a cidade quase mil metros mais alta que Machu Picchu guarda muitos mistérios. Não é por menos que este é o destino peruano favorito de arqueólogos e historiadores.

Choquequirao no Peru 

7) Arequipa no Peru

Muitos turistas que visitam o Peru não conhecem ou incluem Arequipa, mas esta cidade possui a segunda maior força econômica, perdendo apenas para a capital. Arequipa é chamada de “Cidade Branca”, por conta da pedra vulcânica na cor branca que está nas construções e vias da cidade. Além disso, Arequipa conta com muita neve, principalmente encobrindo os vulcões Misti e Chachani.

Arequipa no Peru

Dentre as atrações da cidade, a nossa dica é para que conheça o Monastério de Santa Catalina, a Catedral, o Museu Histórico Municipal e as casas coloniais, como a Casa do Moral e a Casa Goyeneche. Assim como as demais cidades peruanas, Arequipa é cercada por muita natureza. Neste destino, visitar o Vale do Colca é parada obrigatória, sendo este um complexo cercado por mirantes, terraços e piscinas termais.

8) Puno no Peru

Famosa por ser a cidade folclórica do Peru, Puno está localizada a 4 mil metros de altitude. O destino conta com muitos pontos turísticos bem famosos por lá, como a Plaza de Armas, a Catedral, Museu Municipal Dreyer e os centros arqueológicos: Kalasaya e Sillustani. Nossa dica é para que não deixe a cidade sem antes conhecer as Ilhas flutuantes de Uros, uma região habitada por nativos que se dedicavam à produção de artesanato e cerâmica.

Puno no Peru 

9) Nazca no Peru

A cidade de Nazca recebe turistas que visitam o local para conhecer os desenhos monumentais mais enigmáticos do mundo. Neste destino você encontrará as linhas de Nazca, situadas em uma área rochosa e árida, onde cerca de 10 mil linhas foram traçadas no chão. Estes traços formam figuras geométricas, desenhos de animais e sinalização, que nos ajudam a entender e ter mais informações sobre as antigas civilizações. Outro ponto bem interessante de Nazca é o centro da cidade, principalmente os estabelecimentos de cerâmica e artesanato.

Nazca no Peru

10) Huacachina no Peru

Huacachina é um pequeno vilarejo às margens do vasto deserto de Ica, cercado por uma natureza única e encantadora. Para quem gosta de esportes ou passeios que envolvem muita aventura, saiba que Huacachina será uma ótima pedida. Nesta região você encontrará opções de excursões bem radicais, como sandboard, buggy e caminhadas pelo deserto.

Huacachina no Peru

Use seu celular à vontade no Peru

Poder usar seu celular no Peru e em qualquer outro lugar do mundo é ótimo, pois ele acaba sendo muito útil. Você pode usar os aplicativos dos pontos turísticos e das cidades, além dos aplicativos de cupons de desconto. E se for alugar um carro, você economiza uns 100 euros por não precisar alugar um GPS, pois poderá usar o do celular. Com ele você também pode pesquisar os endereços e horários dos lugares, ver a previsão do tempo para se planejar para os passeios e, lógico, ficar conectado com todo mundo através de aplicativos e postar suas fotos da viagem ao Peru nas redes sociais. Se quiser, veja as nossas dicas de como usar o celular à vontade no Peru. É super barato e você vai poder usar seu celular o dia inteiro em Lima, Cusco e qualquer outro lugar do Peru e do mundo inteiro, caso vá para outros países na mesma viagem. E usando a internet do seu celular, você poderá pesquisar tudo sobre como planejar uma viagem para o Peru para quando estiver lá.

Como usar seu celular à vontade no Peru

Dicas para aproveitar melhor sua viagem ao Peru

Agora que você já viu tudo sobre como planejar uma viagem para o Peru, uma dica legal para quem vai para o Peru é que como alguns pontos turísticos, como Machu Picchu, as cidades, parques naturais, praias e todas as atrações ficam bem afastadas, alugar um carro se torna essencial. Sem falar que com um carro você pode conhecer outras cidades do Peru além de Lima, que são próximas como Cusco e Puno, explorar as suas estradas que são lindas e as maravilhosas paisagens e lugares naturais pelo caminho. Saiba tudo sobre o assunto aqui na matéria de aluguel de carro no Peru, com dicas incríveis de como conseguir um ótimo preço utilizando comparadores excelentes e economizando muito.

Vale Sagrados dos Incas no Peru

Economize muito nos ingressos de passeios e excursões

Outra dica importante é sobre os ingressos para os passeios e atrações. Comprar antes pela internet é sempre a melhor opção, pois além dos preços serem sempre menores, você evita as longas filas nas bilheterias, não precisa perder tempo da sua viagem se preocupando com isso e não corre o risco deles terem se esgotado. Nós acabamos comprando todos os passeios e ingressos nesse site aqui de Ingressos para o Peru e achamos ótimo. Como eles são o maior site de ingressos e excursões do mundo, já tem todas as opções lá e você já compra tudo em um único lugar, e que sabemos que é de confiança. É legal que já vai abrir na página com todos os passeios e ingressos do Peru, na ordem dos mais vendidos, que são os mais procurados.

Bairro Barranco em Lima

Não se esqueça do Seguro Viagem para o Peru

Uma dica importantíssima que reforçamos para todos que estão planejando viajar para fora do Brasil é que não se esqueça de fazer um Seguro Viagem Internacional. Ele é importantíssimo e ninguém deve viajar sem um para evitar problemas no exterior. O que muitas pessoas não sabem é que ele é super barato. Veja nossa matéria de Seguro Viagem para o Peru com tudo o que você precisa saber sobre o assunto, quais são os melhores seguros e dicas para fazer um excelente seguro por um preço incrível economizando muito.

Veja outras matérias legais do Peru:

O que fazer em Lima: Dicas do que fazer e conhecer na cidade.
Como levar dinheiro para o Peru:
Melhores formas de levar suas moedas peruanas.
Cidades turísticas do Peru:
As cidades peruanas mais famosas e visitadas.
Como achar hotéis muito baratos no Peru:
Incrível pesquisador e dicas excelentes.
Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *